Fusíveis Diazed e NH. O que são?

 Os fusíveis industriais são componentes elétricos de proteção, com a função de interromper a circulação da corrente elétrica num circuito, mediante curto-circuito ou sobrecarga de longa duração.

 Os fusíveis são dispositivos de suma importância nos circuitos de comandos industriais, pois cabe a eles a proteção das cargas ligadas ao circuito, dos componentes e fiação do mesmo.

Como funciona um fusível?

 Em um curto-circuito ou sobrecarga de longa duração, o elo fusível irá fundir-se, abrindo o circuito elétrico, interrompendo a passagem de corrente elétrica.

 Esse componente é composto basicamente de um corpo de material isolante, normalmente porcelana de alta resistência mecânica, dois contatos externos para conexão ao circuito, e internamente, um elemento metálico chamado elo fusível, responsável pela interrupção da circulação de corrente elétrica no circuito.

 O elo fusível fica hermeticamente fechado e envolvido por areia quartzo com a finalidade de interromper o arco voltaico que surge no momento da queima do elo fusível.

 Esses fusíveis possuem também um indicador de atuação, ou seja, no momento que o fusível é “queimado” devido um curto-circuito, por exemplo, um fio esticado posicionado próximo ao elo fusível é interrompido e um indicador externo é acionado sinalizando que esse fusível está danificado, ou o circuito sofreu alguma anomalia.

Quais os tipos de fusível industrial mais utilizados?

 Os fusíveis industriais mais utilizados na indústria são os fusíveis NH e fusíveis Diazed. São especificados conforme a necessidade e tipo de circuito que vão proteger. Esses tipos de fusíveis, apresentam algumas características que os diferem de outros fusíveis utilizados em circuitos prediais por exemplo.

O que é um fusível Diazed?

 Os fusíveis Diazed são construídos com corpo cilíndrico como se pode ver na foto abaixo:

diazed fuse 500x500 300x225 - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

 Para facilitar a identificação da corrente nominal do fusível, quando em operação em um circuito, o indicador de queima apresenta uma cor que define sua corrente nominal.

A tabela a seguir apresenta a cores normalizadas e as respectivas correntes.

tabela - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

 Para a conexão do fusível ao circuito é necessário a utilização dos seguintes acessórios: base, parafuso de ajuste, anel de proteção e tampa.

A foto a seguir ilustra esses componentes:

25580 9398441 300x251 - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

 A base tem como finalidade alojar o fusível. O parafuso de ajuste deve ter a mesma especificação do fusível e não permite que sejam colocados fusíveis com correntes nominais acima do especificado no circuito. O anel de proteção isola a parte metálica energizada da base e a tampa é o elemento que permite a colocação e retirada do fusível sem ter o contato humano com as partes energizadas do conjunto.

O que é um fusível NH?

Os fusíveis NH tem sua forma construtiva conforme foto a seguir:

nh fuse links 300x188 - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

 Para a utilização e conexão do fusível ao circuito é necessário a utilização da base. Para a manipulação do fusível utiliza-se o punho.

As fotos a seguir ilustram esses componentes:

20180227101242 52559 300x300 - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

low voltage hrc fuse puller For NT.jpg 350x350 300x258 - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

Da mesma forma que ocorre com os fusíveis tipo Diazed, os fusíveis NH obedecem uma curva característica traçada pelo fabricante para a fusão do elo fusível.

Características dos fusíveis quanto ao tipo de ação
  • Fusíveis de ação retardada: São usados onde possíveis sobrecorrentes podem acontecer no circuito e prevalecer por alguns segundos. Esse tipo de fusível é recomendado para proteção de circuitos sujeitos a sobrecargas periódicas, como por exemplo circuitos com motores e capacitores.
  • Fusíveis de ação rápida ou normal: São usados onde a corrente do circuito em todos os momentos é inferior ao valor da corrente nominal do circuito e qualquer sobrecorrente deve ser interrompida imediatamente, como por exemplo circuitos eletrônicos e resistivos.
  • Fusíveis de ação ultra-rápida: São usados na proteção contra curto-circuito de semicondutores que podem ser encontrados, por exemplo, em dispositivos eletrônicos de baixa tensão como inversores de frequência e soft-starters.
O que preciso saber para especificar um fusível?

 Para a especificação desses componentes num determinado circuito são necessários os seguintes dados: Corrente nominal, tensão nominal e capacidade de interrupção.

  • A corrente nominal é aquela que ao circular pelo fusível não causa a interrupção do elo fusível. Esse valor de corrente pode circular por tempo indeterminado que não ocorrerá a interrupção da circulação de corrente elétrica no circuito.
  • O valor especificado de tensão nominal determina a tensão máxima que o fusível pode ser submetido para operar sem causar danos na sua isolação.
  • A capacidade de interrupção determina o valor máximo da corrente de curto-circuito que o fusível é capaz de interromper trabalhando na tensão nominal.
Simbologia dos fusíveis

simbologia 300x256 - Fusíveis Diazed e NH. O que são?

Gostou? Compartilhe!
Updated: 30 de julho de 2019 — 22:04

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *