Como funciona uma lâmpada incandescente?

 Não há dúvidas que a lâmpada incandescente é uma das principais invenções a partir da eletricidade, pois através dela foi possível utilizar a eletricidade para iluminação.

 Há décadas, a lâmpada incandescente permitiu ao ser humano transformar a escuridão da noite em um período utilizável tanto para o trabalho quanto para o lazer, sendo um dispositivo indiscutivelmente mais eficiente que lamparinas e velas.

 O funcionamento da lâmpada incandescente consiste na passagem de uma corrente elétrica por um filamento de tungstênio, na forma de espira, cuja resistência elétrica apresenta um valor alto. O filamento encontra-se dentro de um recipiente de vidro que contém um gás inerte ou vácuo, evitando assim que pegue fogo, pois a passagem da corrente elétrica por esse filamento provoca um aquecimento, cuja temperatura pode chegar a 3000° C. Devido ao alto valor da temperatura, o fio passa a brilhar, gerando a luz.

lâmpada incandescente como funciona 300x300 - Como funciona uma lâmpada incandescente?

 Quanto maior a temperatura do filamento, maior a quantidade de luz emitida pela lâmpada. Sob esse aspecto, a lâmpada incandescente apresenta uma desvantagem, pois transforma a maior parte da energia elétrica consumida em calor. Em outras palavras, gera mais calor do que luz, provocando, com isso, um consumo de energia elétrica maior.

 Graças a invenção da lâmpada incandescente, foi possível desenvolver outros tipos de lâmpadas muito mais eficientes em relação à quantidade de luz emitida, consumo de energia e vida útil.

 No Brasil, as lâmpadas incandescentes deixaram de ser produzidas e comercializadas em Junho de 2016, devido a sua baixa eficiência energética se comparada a outros modelos com outro tipo de tecnologia. Uma lâmpada incandescente chega a consumir 75% a mais que uma lâmpada fluorescente e 85% a mais que uma lâmpada led.

Gostou? Compartilhe!
Updated: 30 de julho de 2019 — 21:45

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *